Domingo, 23 de Junho de 2013

Associação transmontana quer eliminar ideia de 'lobo mau' nas crianças




Uma associação de Trás-os-Montes anunciou hoje que vai desenvolver um conjunto de aplicações para 'smartphones' e 'tablets' para que, junto das crianças, seja desmistificada a ideia do "lobo mau" e seja fomentada uma maior consciencialização ambiental.

Filipe Marrão, técnico da Corane - Associação de Desenvolvimento da Terra Fria Transmontana, que engloba os concelhos de Bragança, Miranda do Douro, Vinhais e Vimioso, estas aplicações vão permitir descobrir as zonas de lobos, histórias e lendas associadas a este animal que "ainda assusta as populações rurais com os seus ataques".

Outro dos propósitos da Corane é implementar, como já acontece em Espanha, a introdução de roteiros ambientais, que permitam sinalizar estruturas e trilhos associadas ao lobo e todo o património etnográfico associado as alcateias.

"Os turistas poderão descarregar do sítio da Internet do projecto transnacional 'Lobo: Vida Selvagem e Agricultores' toda informação e partir à descoberta de alcateias em todas as zonas dos concelhos de Terras Fria Transmontana", explicou.

O projecto foi hoje apresentado em Santalhão, no concelho de Vimioso, numa iniciativa que juntou técnicos e pastores de Portugal, Espanha, Estónia, Roménia, Suécia e Polónia.

Com estas aplicações para 'smartphones' e 'tablets', além de conhecerem o quotidiano e os trilhos do lobo e seus habitats, os utilizadores poderão conhecer pontos de interesse turístico dos quatros concelhos de região nordestina, que integram a Associação de Desenvolvimento da Terra Fria Transmontana.

"A ideia é que o lobo seja um chamariz turístico para a região do Nordeste Transmontano", acrescentou Filipe Marrão.

Outras ideias apresentada pelos parceiros no projecto passa pela criação de uma federação ou associação transnacional, com a missão de dar continuidade aos trabalhos desenvolvidos no sentido de proporcionar "uma coexistência pacífica entre o lobo e agro pastorícia".

"Há vontade de todos os parceiros em avançar com a iniciativa ", frisou o técnico da Corane.

O projecto transnacional "Lobo: Vida Selvagem" está em curso há dois anos e a Corane é um dos parceiros.

 

Lusa/SOL

 

publicado por mímica às 00:03

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 28 de Agosto de 2012

Animal defende fim da "vergonhosa" exceção de Barrancos Ler mais: http://expresso.sapo.pt/animal-defende-fim-da-vergonhosa-excecao-de-barrancos=f749378#ixzz24qP6CGyp



Para a Associação Animal, o espetáculo com touros de morte de Barrancos "é verdadeiramente demoníaco, assustador, horrível."

A associação Animal defende o fim da exceção criada há 10 anos para legalizar o espetáculo "demoníaco" das touradas com touros de morte em Barrancos, que considera "vergonhosa" e o resultado de "uma enorme cobardia política". 

"A Animal defende que esta vergonhosa exceção à lei, que é o resultado de uma enorme cobardia política e nunca devia ter sido concedida, deixe de estar em vigor", disse à agência Lusa a presidente da associação, Rita Silva. 

Segundo a responsável, "o espetáculo (de touradas com touros de morte) de Barrancos é verdadeiramente demoníaco, assustador, horrível. É a perseguição de animais pelas ruas seguida da sua morte lenta para gáudio de pessoas".

Em declarações recentes à Lusa, o presidente da Câmara de Barrancos, António Tereno, tinha dito que a polémica sobre as touradas com touros de morte na vila pertence ao passado e "nada verga" a comunidade local no cumprimento da tradição. 

"Em nome dos animais, a Animal também não verga e esta polémica não é coisa do passado", reage Rita Silva, referindo que a associação está "a trabalhar muitíssimo" para "proibir, de uma vez por todas, a exceção criada para Barrancos", mas também para "proibir a tauromaquia em Portugal".

Recolha de assinaturas


Segundo Rita Silva, a Animal está a promover a recolha de assinaturas para uma petição que pede à Assembleia da República para aprovar e implementar uma nova Lei de Proteção dos Animais, porque a atual "é vergonhosa". 

A petição, que deverá ser entregue no final do próximo mês de setembro, pede que a nova lei considere todos ou o maior número possível de pontos do projeto-lei de revogação e de instituição de uma nova Lei de Proteção dos Animais apresentado pela Animal e que inclui o pedido de proibição das touradas em Portugal. 

"Sabemos que vamos ter de negociar muito na questão das touradas, que é o assunto mais polémico do projeto-lei, mas queremos acabar com a exceção (de Barrancos) a uma lei que é muito clara e diz que não há touradas de morte em Portugal e ponto final e não queremos que as touradas de morte se legalizem em mais locais e que haja mais exceções", sustenta Rita Silva.

Sempre com data certa nos últimos quatro dias de agosto, as festas de Barrancos, por incluírem touradas com a morte dos touros na arena, geraram contestação, sobretudo de associações de defesa dos animais, e atraíram muitos milhares de visitantes, no final da década de 1990 e até 2001. 

Após várias décadas com Barrancos a 'saltar' a lei, a Assembleia da República aprovou, em 2002, um regime de exceção que legalizou a tradição local de touradas com a morte dos touros na arena, que até 2001 geraram contestação, sobretudo de associações de defesa dos animais, e atraíram muitos milhares de visitantes.


Fonte: Expresso Online

publicado por mímica às 13:42

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 31 de Julho de 2012

Moonspell associam-se à campanha para salvar o Centro de Recuperação do Lobo-ibérico

 


A banda de Heavy Metal portuguesa declarou no Facebook o seu apoio à campanha de financiamento coletivo (crowdfunding) para aquisição dos terrenos onde está alojado o Centro de Recuperação do Lobo-ibérico, que está em risco de ser ‘despejado’, pedindo aos fãs que contribuam para a causa.


 

A conceituada banda portuguesa de Heavy Metal Moonspell associou-se ontem, através da sua página no Facebook, à campanha do Grupo Lobo “Help the Iberian Wolf”.

Trata-se de uma iniciativa que tem como objetivo reunir fundos para a aquisição dos 17 hectares de terreno onde que se situa o Centro de Recuperação do Lobo-ibérico (CRLI) um projeto da associação cujo trabalho em prol da conservação do lobo já recebeu vários prémios, como o BES Biodiversidade e o Ford Motor Company Award.

O CRLI, situado em Mafra, aloja lobos que não podem viver em liberdade e que funcionam como embaixadores da espécie junto do público, correndo agora o risco de ser “despejado” e ver terminado, de forma abrupta, o trabalho que tem vindo a realizar desde há 25 anos.

A campanha foi lançada no passado dia 25 através da iniciativa Naturfunding de crowdfundingambiental. O crowfunding constitui uma forma de financiamento coletivo, em o público contribui para o financiamento de causas e projetos do seu interesse sendo, simultaneamente, recompensado por contrapartidas concedidas pelos seus promotores.

Os Moonspell, cujo álbum de estreia em 1995 se intitulou "Worlfheart", publicaram na suapágina do Facebook a um post em que declaram o seu apoio à iniciativa que apela “Não deixe os lobos sem abrigo!” e encoraja os fãs a contribuírem, na medida das suas possibilidades, para a causa lembrando que “Todos contam!”.

 

Fonte: Naturlink

 

Quem desejar contribuir e/ou divulgar a campanha do Grupo Lobo poderá fazê-lo aqui

Saiba mais sobre o Centro de Recuperação do Lobo-ibérico e o trabalho do Grupo Loboaqui 

música: Tower of a strengh - Aurea
publicado por mímica às 14:21

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 11 de Julho de 2012

Reino Unido: testes em animais batem recorde de 25 anos

 

Em 2011, a utilização de animais em testes científicos, no Reino Unido, foi a maior dos últimos 25 anos, de acordo com números do Home Office britânico. Segundo a entidade, foram feitos mais de 3,8 milhões de testes – como por exemplo a criação de ratos geneticamente modificados, para imitar doenças neurológicas em animais –, o que equivale a um aumento de 68.100 testes, ou 2%, em relação aos números de 2010.

O Home Office monitoriza a pesquisa em animais desde 1987, pelo que este número poderá ainda ser mais relevante. Nesse ano, o departamento contabilizou 3,5 milhões de testes em projectos de pesquisa. Muitos destes animais são utilizados para mais do que um teste autorizado.

“A longo prazo, [queremos reduzir a utilização de animais em pesquisas]. Mas é algo que não podemos fazer em 12 meses”, explicou Martin Walsh, director da divisão de Testes Científicos em Animais, do Home Office.

Os números reflectem uma mudança na forma como os animais são utilizados por cientistas, nas universidades e indústria farmacêutica. Assim, nota-se uma maior utilização de peixes e aves, e uma grande descida na utilização de macacos – quase de 50%, para os 2.213 – e de ratos.

O aumento dos testes em peixes – cresceram 72.959 em 2010 – deve-se sobretudo à adopção de experiências toxicológicas anteriormente feitas em ratos. O número dá conta dos testes universitários feitos no peixe-zebra, para estudar o desenvolvimento do embrião. Nos primeiros dias de vida, os peixes-zebra são transparentes, o que permite aos cientistas perceberem o desenvolvimento dos seus órgãos e testar o impacto de químicos no seu crescimento.

“A pesquisa em animais é conduzida para benefício de humanos e animais, e vimos grandes avanços, nos últimos anos, na prevenção e tratamento de doenças que nos pareciam incuráveis há uma década. Esperamos ver, nos próximos anos, uma diminuição no número de cães, gatos e primatas utilizados, na sequência dos esforços para a redução, refinamento e substituição de animais em pesquisas de cientistas, tal como está previsto no NC3Rs”, explicou, por sua vez, Fran Balkwill, da ONG Understanding Animal Research.

Lançado em 2004, o NC3Rs é um programa britânico que pretende trazer a ética para a pesquisa em animais e que trabalha com organizações governamentais, empresas, laboratórios de investigação e ONG de defesa dos animais.

 

Fonte: GreenSavers

 

Segue-se agora embaixo, para os interessados, as empresas que FAZEM e as que NÃO FAZEM testes em animais:

 

Top 10 marcas que fazem testes em animais:
1. Colgate
2. Avon
3. Axe
4. Maybelline
5. Lancôme
6. Dolce & Gabbana
7. Lux
8. Giorgio Armani
9. Gucci
10. Ralph Lauren
Veja mais marcas que fazem testes em animais aqui.

 

Top 10 marcas que não fazem testes em animais:
1. Nivea
2. Victoria’s Secret
3. Prada
4. Clinique
5. Natura
6. Revlon
7. M.A.C
8. O boticário
9. Missoni
10. Carolina Herrera
Veja mais marcas que não fazem testes em animais aqui.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por mímica às 14:58

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 15 de Junho de 2011

...

 

“A fotografia foi colocada por um jovem filipino no Facebook. As associações de defesa dos animais exigem uma investigação das autoridades.

A fotografia foi colocada no Facebook por um jovem filipino, de acordo com uma notícia a agência France Press.

“Esperamos que as autoridades filipinas processem este jovem homem. Isto não é uma bricandeira de criança, é uma crueldade animal”, disse à AFP o jurista Agnes Tam.

A notícia teve uma enorme repercussão junto da comunicação social das Filipinas, obrigando mesmo o jovem a pedir desculpas através do seu Facebook. Mas as associações de defesa dos animais exigem que seja aberta uma investigação, considerando que se trata de um questão de maus tratos.”

 

Notícia retirada de: DN

publicado por mímica às 21:34

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 18 de Janeiro de 2011

Descoberta “casa dos horrores” em Nova Iorque

 

Uma mulher de 54 anos e a filha, de 23, foram detidas, sábado, pela polícia de Rockeville Centre, em Long Island, estado americano de Nova Iorque, acusadas de felonia de torturarem animais, de acordo com a CBS New York.

No interior da casa onde as duas viviam (apelidada de “casa dos horrores”), as autoridades encontraram as carcaças de 26 animais, incluindo cães, gatos, pássaros e furões, e conseguiram resgatar com vida 13 cães e dois gatos, contou Kate Murray, porta-voz da polícia. A mesma fonte afirmou que encontrar um cenário macabro no interior da casa, agora considerada inabitável. “Parecia um autêntico inferno o lugar onde elas viviam. Alguns dos cães que resgatámos e algumas das carcaças que vimos tinham açaimes colocados e presos com fita-cola”, acrescentou. De tal maneira, que eram impossível aos cães ladrarem, alimentarem-se ou mesmo respirarem. As autoridades municipais tomaram conhecimento da situação depois da polícia ter sido chamada àquela casa, devido a uma fuga de gás, na sexta-feira.

Foram, então, chamados os técnicos do Hemptstead Town Animal Control. “O que os nossos colaboradores viram foi um dos cenários mais horrendos em toda a história da protecção animal”, sublinhou Kate Murray. De acordo com os vizinhos, as duas mulheres detidas eram muito reservadas, mas nunca imaginaram o que se passava no interior da casa. “Foi horrível de ver. Nunca vi nada igual na minha vida. Estas pessoas nunca tiraram os animais das gaiolas. Havia fezes com cerca de oito centímetros de altura e elas viviam ali, nestas condições”, contou à CBS New York, uma vizinha, Terry Sheridan. Kate Murray explicou que os animias resgatados com vivam foram levados para um abrigo e que estarão em condições de serem adoptados dentro de 10 dias. Os animais estavam muito assustados, desidratados e com traumas psicológicos.

O site Examiner.com acrescenta que as duas mulheres declararam-se inocentes e que não lhes foi retirada a propriedade dos animais vivos. O que obriga as autoridades da cidade de Hempstead a recorrer ao tribunal, no prazo máximo de 10 dias, para obter a custódias dos cães e dos gatos.

 

 

Fonte: Adopta-nos Live Love and Care

publicado por mímica às 23:17

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 23 de Dezembro de 2010

Artigos em pele de gato e cão estão à venda na China através da Internet

Milhares de artigos fabricados em pele de gato e cão estão a ser vendidos na Internet. As associações de defesa dos animais estão revoltadas e prometem tudo fazer para encerrar os sites chineses

 

A investigação dos repórteres da agência chinesa AFP e do jornal Shanghai Daily descobriu calças e chapéus produzidos com pele de cão.

"Esses produtos estão no site Taobao", confirmou à AFP um porta-voz do grupo empresarial responsável pela comercialização dos produtos online.

Segundo os defensores dos animais, o couro e a pele é proveniente de animais abandonados. "Nós temos voluntários para proteger os animais.

Na nossa opinião o controle do governo é insuficiente", segundo Zhai Yining, um responsável da Associação Chinesa de Defesa dos Animais.

De acordo com a legislação chinesa, a venda de produtos fabricados a partir de gatos e cães é proibida na Internet.

 

Fonte: Visão Online

publicado por mímica às 16:33

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 2 de Outubro de 2010

Mais de 10 mil animais abandonados por ano em Portugal

 

 

 

Mais de dez mil animais são abandonados todos os anos em Portugal, onde se estima que existam mais de meio milhão de bichos sem dono. Nas vésperas do Dia Mundial do Animal, 200 cães e gatos vão estar em Lisboa para serem adoptados.

Hoje, o Jardim Vieira Portuense, em Belém, vai transformar-se numa espécie de centro de adopção: «Cerca de duas dezenas de animais que vivem em canis ou em associações vão estar ali para serem adoptados», segundo Maria do Céu Sampaio, presidente da Liga Portuguesa dos Direitos dos Animais (LPDA), associação que organiza o evento.

«As mais de 40 associações zoófilas que existem no país estão todas superlotadas. Não temos números certos, mas sabemos que são muito mais de meio milhão os animais que não têm dono», alertou a responsável, sublinhando que a degradação económica das famílias e o aumento de divórcios provocou um aumento de casos.

De acordo com a LPDA, as alergias, as férias, o nascimento de um filho e problemas de comportamento são outros dos motivos que levam os donos a abandonar os seus animais.

Por isso, hoje à tarde, professores de uma escola especilizada em educação animal vão estar no jardim para ajudar os donos a educar os seus bichos, contou Maria do Céu Sampaio.

No domingo, haverá a entrega dos Prémios De Cão para Cão, um projecto de responsabilidade social que este ano vai ajudar 600 animais abandonados de quatro associações.

De Cão para Cão é um jogo interativo, onde as pessoas podem adoptar um cão virtual.

«Chama-se de Cão para Cão, porque ao tratar bem um cão virtual as pessoas estão a ajudar um cão real», explicou Rodolfo Neves, responsável pelo projecto criado no ano passado.

Maria do Céu Sampaio garante que todos os animais - abandonados ou com dono - que apareçam neste fim-de-semana no jardim vão ganhar um prémio, porque este «é o dia deles».

O Dia Mundial do Animal assinala-se na próxima segunda feira.

 

Fonte: Sol Lusa

publicado por mímica às 17:52

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 16 de Abril de 2010

Vida de cão

publicado por mímica às 01:02

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 14 de Abril de 2010

Lince Ibérico: Uma das crias, uma fêmea, morreu no Centro de Silves de "causa aguda"

Um dos bebés lince ibérico, uma fêmea, que nasceu no domingo de Páscoa no Centro Nacional de Reprodução do Lince Ibérico em Silves, Algarve, morreu no domingo, dia 11, "de causa aguda", disse hoje à Lusa fonte daquele organismo.

"As duas crias de lince ibérico estiveram sempre bem até domingo, dia em que uma delas morreu de causa aguda e de forma rápida", explicou o diretor do Centro Nacional de Reprodução do Lince Ibérico, Rodrigo Serra.

Segundo os resultados preliminares da autópsia realizada no Centro de Análises e Diagnóstico de Málaga (Espanha), entidade que costuma fazer as autópsias dos linces ibéricos que morrem em cativeiro, a cria, com uma semana de vida, "estava bem alimentada" e não recebeu maus tratos da progenitora, acrescentou aquele responsável.

 

Fonte: Lusa Online

publicado por mímica às 01:42

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Associação transmontana q...

. Animal defende fim da "ve...

. Moonspell associam-se à c...

. Reino Unido: testes em an...

. ...

. Descoberta “casa dos horr...

. Artigos em pele de gato e...

. Mais de 10 mil animais ab...

. Vida de cão

. Lince Ibérico: Uma das cr...

.arquivos

. Março 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Uma outra paragem

. NÃO ...

. Penteados em tempo de aul...

. Quem escreveu isto é um g...

. Amor vândalo

. O IDIOTA E A MOEDA

. Respostas Reais

. Historia de Portugal em p...

. Dia do nosso Nascimento

. Conversa entre Ministros

.links

.participar

. participe neste blog


Girly glitter comments from www.GirlyTags.com

Girly glitter comments from www.GirlyTags.com

.Adopção

Adotado no Evelyn's Place.com Adotado no Evelyn's Place.com Adotado no Evelyn's Place.com

.Vamos Ajudá-los

lays by verdinha lays by verdinha lays by verdinha lays by verdinha
Esta Terra que é a Nostra
Image Hosted by ImageShack.us
adopt your own virtual pet!

.subscrever feeds