Domingo, 5 de Junho de 2011

Raposa é "adoptada" em Vila Real

Isto sim demonstra que os animais selvagens, como a raposa, não são forçosamente inimigos dos humanos. É, pois, possível criar laços entre ambos. É de louvar esta atitude dos habitantes daquela aldeia, já que o mais comum é andarem à caça destes belos animais.
publicado por mímica às 10:36

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 18 de Agosto de 2008

Gwyneth Paltrow criticada por defensores dos animais

A actriz americana Gwyneth Paltrow recebeu duras críticas de várias organizações de defesa dos animais pela participação numa campanha publicitária que utiliza peles de avestruz e de cobra, entre outras, nos seus produtos.

A imagem da actriz, de 35 anos, envolta na pele de raposa foi utilizada numa campanha da empresa italiana Tod's e indignou os defensores dos animais, que dizem que Paltrow devia ter vergonha.

Segundo o jornal britânico "The Independent", a estilista Stella McCartney, filha do ex-beatle Paul McCartney, que seguiu os costumes vegetarianos da sua mãe, aparentemente também está aborrecida com sua amiga Paltrow.

 

Fonte: JN

publicado por mímica às 14:27

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 7 de Maio de 2006

Lobo e Raposa: Vítimas das Fábulas

Ensinaram-he através de fábulas que os lobos são sanguinários e maus e que as raposas são más, matreiras e mentirosas e acredita viavelmente nisso? Então tem de ler este artigo escrito por Tomás de Montemor, in Notícias Magazine, 99-09-12. E por favor não conte fábulas desse tipo às crianças, pois isso pode ser grave.

Juntamente com o lobo, a raposa é talvez o animal que o Homem encara com maior dose de preconceito. E grande parte desse preconceito (quase sempre negativo) tem origem em fábulas, lendas, contos, crenças populares e outros tipos de intrujice. Os outros membros deste infortunato clube são as cobras, os mochos, os sapos e qualquer animal que não se vergue facilmente à vontade ao gosto humanos. O lobo já tem o caminho traçado para a extinção e deve-o em grande parte ao Capuchinho Vermelho, ao Pedro e o Lobo, de Prokofiev, aos Três Porquinhos e a outras histórias aparentemente inofensivas.

Descobri como estes preconceitos estão já tão entranhados na forma de pensar das crianças quando em conversa com uns alunos do 7º ano, percebi que tinham todos medo e raiva do lobo sem saberem onde existe, como se comporta e como vive. O mesmo para as corujas que anunciavam a morte, as cobras que mamam leite das mulheres, os sapos venenosos, etc... Entretanto, a raposa vai fintando o destino do lobo, mas sempre ciente que derrotar todas as ideias que se metem na cabeça dos humanos desde crias não é uma batalha fácil - ideias que dizem  que a raposa é matreira, falsa, inteligente mas mal-intencionada, vingativa, ladra, esquiva, mentirosa, fingida, hipócrita e mais uma série de adjectivos que encaixariam melhor num jornal desportivo. (...)

Muita raiva, pouca razão

Colar sentimentos humanos nos animais, o chamado antroporfomismo, é uma mania perigosa, pois muitas vezes os sentimentos humanos não são coisas que se recomendem nem ao mais sanguinário predador do Mundo Natural. É por isso habitual descobrir que muitos dos adjectivos que classificam a raposa aos olhos do Homem não têm qualquer fundamento mas não antes resultado de observações superficiais e apressadas. O que normalmente acontece é a tentativa de encontrar um bode expiatório para a incompetência e a asselhice do Homem na agricultura e gestão da caça.

O Homem massacra as espécies cinegéticas de uma zona apenas porque é guloso e não sabe quando deve parar, mas acaba sempre por perseguir os predadores naturais culpando-os da escassez de "caça". Quando desajeitadamente tenta recuperar algumas populações que extinguiu, introduzindo indivíduos criados em cativeiro, fica furioso se mais alguém tentar partilhar essa abundância, como se tivesse tornado dono da Natureza. Uma das maiores vítimas deste egoísmo é a raposa, que há milhões de anos mantém um equilíbrio com as suas presas e território, mas vê-se castigada por fazer o que sempre fez. Será que merece ser chamada verme, ladra ou assassina? Não deveria ser o Homem a ser castigado, já que foi ele que rompeu a harmonia natural? Mas para além desta espectacular injustiça, há por trás deste ódio muita ignorância - a raposa e outros predadores são essenciais a uma saudável manutenção das populações das espécies cinegéticas; e a ausência da raposa numa zona significa a falta de controlo sobre outras espécies potencialememte prejudiciais para o Homem e para as suas actividades.

Analisando estas duas certezas científicas chegamos à conclusão que é o Homem que deve ser controlado!

É inegável que a raposa possui uma grande inteligência, pois testes laboratoriais provaram uma capacidade de "raciocínio" superior à maioria dos cães. Estas qualidades de estratego, aliadas à sua grande capacidade de adaptação, são essenciais à sobrevivência em condições de concorrência apertada e luta diária por comida por vezes escassa.

Talvez seja essa inteligência que tenha provocado uma certa raiva por parte dos humanos, que gostam muito pouco de rivais, mas é completamente disparatada qualquer tentativa de assossiar a inteligência a qualquer malícia.

Que raposas e lobos lindos!

sinto-me:
música: Gunjyou Hyori dos Tokyo Jihen
publicado por mímica às 15:43

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Raposa é "adoptada" em Vi...

. Gwyneth Paltrow criticada...

. Lobo e Raposa: Vítimas da...

.arquivos

. Março 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

.tags

. todas as tags

.favoritos

. NÃO ...

. Penteados em tempo de aul...

. Quem escreveu isto é um g...

. Amor vândalo

. O IDIOTA E A MOEDA

. Respostas Reais

. Historia de Portugal em p...

. Dia do nosso Nascimento

. Conversa entre Ministros

.links

.participar

. participe neste blog

.subscrever feeds